Organização de ambientes e uso de EPIs na Tocoginecologia diante da epidemia da COVID-19

Com base em recomendações da Organização Mundial da Saúde (OMS), a Febrasgo orienta os ginecologistas e obstetras sobre algumas medidas de prevenção no manejo de pacientes com suspeita ou confirmação do novo Coronavírus (2019-nCoV). Medidas de prevenção e controle de infecção, como o uso de equipamentos de proteção individual, devem ser implementadas pelos profissionais que atuam nos serviços de saúde para evitar ou reduzir ao máximo a transmissão de microrganismos durante qualquer tipo de assistência à saúde.

Acesse as recomendações em: bit.ly/sogirgs-febrasgo-7.

Compartilhe

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *