Galeria de fotos do 58º Congresso Brasileiro de Ginecologia e Obstetrícia

Mais de cinco mil especialistas de diferentes estados do País participaram do 58º Congresso Brasileiro de Ginecologia e Obstetrícia, no Centro de Eventos da Fiergs, em Porto Alegre, entre os dias 13 e 16 de novembro,  para debater a saúde integral da mulher nas suas diferentes fases da vida. Com uma programação bastante abrangente, partindo da prevenção primária aos avanços e terapias visando a integralidade da saúde feminina, os 250 conferencistas ministraram aulas e simpósios aos presentes. Foram 1.356 temas livres inscritos e 709 aceitos para o Congresso, que passaram por uma rigorosa avaliação e pontuação. Durante os quatro dias de evento foram abordados temas de maior relevância na atualidade como os novos métodos de rastreamento do colo de útero, câncer der mama versus terapia hormonal e atendimento a transgêneros, entre outros. O conteúdo programático trouxe aspectos técnicos, médicos, éticos e legais do cotidiano da especialidade.

De acordo com a Dra. Maria Celeste Osório Wender, presidente dessa edição do Congresso e da Comissão Nacional do Climatério, o evento primou pelo preciosismo científico e trouxe temas atuais e polêmicos, tanto na  ginecologia (parte hormonal e novas técnicas cirúrgicas) quanto da obstetrícia que tratou dos avanços em diagnóstico e rastreamento e de temas ligados à questão da hipertensão, do diabetes gestacional, da redução da mortalidade materna e da discussão das taxas de cesariana. “Foi uma ampla discussão de vários temas que afetam na atualidade o ginecologista e obstetra à luz de uma atualidade científica muito grande e da presença dos palestrantes internacionais que vieram aprimorar toda essa discussão científica”, destacou.

Para o presidente da Sogirgs, Dr. Breno Acauan Filho, é motivo de orgulho depois de 24 anos, o maior evento da especialidade retornar à Capital. O médico acredita que o sucesso desta edição se deve ao intenso envolvimento das comissões na organização e na escolha dos temas e as discussões de elevado teor científico e ampla participação dos palestrantes e congressistas, no qual houve uma verdadeira troca de experiências e grandes momentos de confraternização.

Pré-Congresso

No dia 14 de novembro começaram os cursos pré-congressos nas temáticas sobre climatério, pré-natal, gestação de alto risco, programa zero morte materna por hemorragia pós-parto, assistência ao parto baseada em evidências científicas, entre outros.

A Sogirgs promoveu o Curso ‘Assistência ao Parto Baseada em Evidências Científicas’ sob à coordenação do Dr. João Alfredo Piffero Steibel. Na primeira parte do curso, a Dra Eliana Wendland (RS) falou sobre os métodos não farmacológicos para manejo da dor e o Dr. Gustavo Steibel fez uma avaliação crítica das curvas de Friedman versus Zhang. “Analgesia farmacológica para o trabalho de parto” foi o tema apresentado pela Dra. Ana Lucia Letti Muller (RS) e o Dr. Jose Antonio Perrone Soares abordou a temática ‘Fórceps e vácuo: quando e qual?’.

Na segunda parte do curso, coordenado pelo Dr. Sergio Hecker Luz, o Dr. Edson Vieira da Cunha Filho, falou sobre Ecografia na sala de parto. Na sequência, o Dr. Edimárlei Gonsales Valério apresentou o tema ‘Episiotomia’. A ‘Duração e manejo do período expulsivo’ foi o título da palestra do Dr. Sergio Hofmeister de A. Martins Costa. A Dra. Mirela Foresti Jimenez finalizou o painel com o tema ‘Posições maternas no segundo período’.

Confira abaixo a galeria de fotos do evento:

Compartilhe

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *